Portfólio Completo

Capa_portfólio_1.JPG
1
Capa_portfílio_5.JPG
6
Capa - portifólio 2.JPG
2
Capa_Portfólio_2.jpg
3
Capa_Portfólio_3.jpg
4
Capa_Portfólio_4.jpg
5

Cantor, compositor, intérprete, violonista, baterista e professor de música graduado pela Escola de Música da Universidade do Estado de Minas Gerais – UEMG. Marcelo Rios, mineiro de Pará de Minas, atualmente reside em Belo Horizonte/MG, iniciou sua formação aos 12 anos de idade, apresentando-se na escola e em festas familiares.

 

Aperfeiçoou sua técnica vocal com a professora Kátia Regina de Melo Couto na Babaya Escola de Canto. Estudou Técnica vocal (A) com a professora Elisete Dias Xavier na "Escola de Música da Universidade do Estado de Minas Gerais UEMG. Dedicou-se a cursos especializados, como os de História Comparada da Música, sob a orientação do professor Andersen Viana no Palácio das Artes/Fundação Clóvis Salgado e Percepção Musical e Apreciação em curso gratuito na Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG. Fez o curso de "Introdução a Metodologia Suzuki" com a professora Isabela Pavan na "UEMG". Fez o curso de "Produção Musical" também pela UEMG com o professor Guilherme Castro.

 

Nos 22 anos ininterruptos de atuação, sua carreira foi consolidada e reconhecida, com shows de repertório próprio e vasto acervo de músicas e canções nacionais, em Belo Horizonte, no interior de Minas e em outros estados das regiões sudeste e nordeste, além de contar com um seleto público de admiradores em Portugal, França e Inglaterra.

 

O músico desenvolve projetos especiais, destacando-se, entre eles, “Violão Mineiro”, tema instrumental de sua autoria, escrito para violão, que foi escolhido para o vídeo documentário "Garimpando Virtudes Preservando a Tradição", apresentado em várias salas de cinemas do Brasil. Marcelo Rios valoriza os festivais de MPB e já participou e conquistou prêmios em muitos deles, destaque para festivais de: Belo Horizonte, Contagem, São Sebastião do Paraíso, Itaú de Minas e Monte Sião, em Minas Gerais; Queluz, em São Paulo e Maricá, Rio de Janeiro.

 

Um dos vencedores do festival Circuito de Bar 2006, Marcelo recebeu o troféu em solenidade realizada no Palácio das Artes em Belo Horizonte, quando apresentou a música “Tenra Melodia”, de sua autoria. Como convidado, Marcelo Rios participou de vários projetos musicais, incluindo-se o MPBH – A Música Abraça a Cidade, com shows em praças públicas da Grande Belo Horizonte, sob patrocínio da Prefeitura Municipal; Quarta Cultural, em iniciativa da CBTU para apresentações musicais na estação central do metrô de Belo Horizonte; além de outros eventos culturais públicos e privados. Com a pedagoga Terezinha Friche desenvolveram o “Canta Criança” um projeto educacional voltado para o público infantil.

 

Atualmente Marcelo Rios continua desenvolvendo seus projetos musicais e com a pandemia ( Covid 19 ) seus trabalhos ficaram bastante prejudicados com mais de 2 anos sem atividades artísticas. Através da Lei Emergencial Aldir Blanc, Marcelo Rios conseguiu ser aprovado em um projeto musical voltado para a terceira idade que leva o nome “A música na melhor idade” O músico continua ativo e retomando suas atividades artísticas.

Título 5